Rita Natálio

Rita Natálio fotoFull name: Rita Cláudia Ribeiro Mendes Natálio
Quoting name: Rita Natálio
Professional Category: PhD Candidate
Title of PhD project: “Efeito Antropocénico: crise ecológica e percepções humanidade-natureza nas práticas artísticas e etnográficas” [Supervisor: Margarida Brito Alves, IHA/NOVA FCSH; Advisor: Renato Sztutman, Universidade de São Paulo]
Position(s) within IHA: RG Member [Contemporary Art Studies]
Contact: ritana@gmail.com
CIÊNCIA ID: 3C1D-C9BF-4EFF
ORCiD: 0000-0002-5561-2608

 

 

Biography
[PT]
Lisboa (1983). É atualmente doutoranda em Estudos Artísticos na FCSH-UNL e Antropologia na USP onde pesquisa o recente debate sobre o conceito de Antropoceno e o seu impacto sobre a redefinição disciplinar e estética das relações entre arte, política e ecologia, particularmente no caso do cinema indígena.. Estudou Artes do Espetáculo Coreográfico na Univ. de Paris VIII e é mestre em Psicologia pela PUCSP. A sua atividade principal tem-se centrado nas áreas da poesia, ensaio, dramaturgia e performance, apresentando as suas propostas em diversos contextos interdisciplinares. Entre os seus trabalhos, destaca o projeto “Museu Encantador” (estreia no MAM-RJ, 2014) que recebeu o Prêmio Redes Artes Visuais da Funarte/Brasil e a conferência dançada “Antropocenas”(2017) em colaboração com o coreógrafo João dos Santos Martins. Recentemente, organizou o seminário “Re-politizar o Antropoceno” dentro do projeto Anthropocene Campus Lisboa em 2020, originado no HKW em Berlim. Também participou do grupo curatorial que, junto de Ailton Krenak, organizou “Ameríndia: percursos do cinema indígena no Brasil” em 2019, uma mostra de cinema na Fundação Calouste Gulbenkian que trouxe cineastas indígenas a Portugal, mostrando mais de 30 filmes. Co-organiza, junto com André Teodósio uma chancela editorial com foco nas artes performativas e reflexões sobre sistemas de poder e protesto. Colabora regularmente com o jornal de artes performativas Coreia. Publicou dois livros de poesia: “Artesanato” (2015), nomeado para o Prémio Novos 2016 em Portugal e “Plantas humanas (2017).

(data supplied by the researcher)

Abbreviations:
SC – Scientific Committee
RG – Research Group