Crossing Borders. History, Materials and Techniques of Portuguese Painters from 1850-1918 (Romanticism, Naturalism and Modernism)

Crossing Borders. History, Materials and Techniques of Portuguese Painters from 1850-1918 (Romanticism, Naturalism and Modernism)

Reference: PTDC/EAT-EAT/113612/2009
Funding  institution: FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia
Starting date: março 2014
Ending date: agosto 2014

 

 

Description:
O projecto Crossing Boders promove uma interdisciplinaridade entre a ciência e a arte, nomeadamente a conservação, a computação e a história da arte. O principal foco do projecto serão as práticas artísticas de pintores portugueses entre o Romantismo (1835-1880), o Naturalismo (1870-1930) e o Modernismo (1911-1960). As obras a investigar são integrantes da Casa Museu Anastácio Gonçalves (CMAG), o Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian (CAM), e o Museu Nacional de Arte Contemporânea – Museu do Chiado (MNAC-MC).
A investigação irá situar os pintores portugueses em contexto, identificando a forma como os materiais, técnicas e métodos utilizados se comparam aos seus contemporâneos europeus. Este estudo levará também a um conhecimento mais preciso dos três movimentos artísticos já mencionados. Os tópicos chave incluem a composição química dos pigmentos e ligantes encontrados nas pinturas, bem como análises de computador das pinceladas dos artistas (útil para diferenciar práticas artísticas).
Os estudos irão permitir a caracterização da paleta molecular e o revelar da “mão” do artista. Os artistas selecionados foram: Miguel Lupi e Cristino da Silva (Romantismo), Silva Porto, Marques de Oliveira, Columbano e Artur Loureiro (Naturalismo), Amadeo de Souza-Cardoso e Eduardo Viana (Modernismo). Incluem-se também um número de pinturas geométricas de Joaquim Rodrigo, Fernando Lanhas e Nadir Afonso, no sentido de perceber se resta alguma marca pessoal do artista, já que estes pintores exploraram o fim da ideia da “mão do artista”.
O projecto irá criar novas ferramentas e protocolos para a investigação da fraude na arte, no âmbito da Polícia Judiciária (PJ). A disseminação do conhecimento será feita através de monografias, a partir do modelo estabelecido pela série “Art in the making” da National Gallery de Londres. Os resultados das análises químicas e documentais de cada artista irão compor uma base de dados dedicada aos trabalhos de artistas portugueses, e será criado um repositório para trabalhos futuros. Para o público em geral, estará disponível uma série de documentários televisivos, bem como um documentário individual, sobre a história, materiais e técnicas dos pintores portugueses entre 1850 e 1960.
Main Research Area
Art Studies
Secondary Research Area
Chemistry and Biochemistry – Chemistry
Keywords
Artistic practices
Romanticism
Naturalism
Modernism
 Funding:  144,424.00€
INSTITUTIONS
Main Contractor
NOVA.ID.FCT – Associação para a Inovação e Desenvolvimento da FCT (NOVA.ID.FCT/FCTUNL/UNL)
Participating Institutions
Fundação Calouste Gulbenkian (FCG)
Instituto de História da Arte, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (IHA/FCSH/UNL)
Instituto dos Museus e da Conservação, IP (IMC/MC)
Main Research Unit
Laboratório Associado para a Química Verde – Tecnologias e Processos Limpos (REQUIMTE)
TEAM
Principal Investigator
Maria João Melo
Researchers
Raquel Henriques da Silva (IHA/FCSH/NOVA)
Márcia Gomes Vilarigues
Ana Maria Martelo Ramos
Maria Adelaide Fernands Ginga Tchen
Rita Andreia Silva Pinto de Macedo (IHA/FCSH/NOVA)
Margarida Maria Almeida de Campos Rodrigues de Moura Elias
Rui Manuel Feliciano Jesus
Ângela Sofia Alves Ferraz (IHA/FCSH/NOVA)
Ana Margarida Cruz da Silva
Maria Helena Gomes de Freitas da Cunha e Sá
José Alberto Julinha Ribeiro
Maria de Aires Rã Silveira
Vanessa Otero Matias
Montagner Cristina
Leslie Anne Carlyle
Inês Morais da Fonseca Santos
Marta Gonçalves Félix de Oliveira Campos
Investigadores-Bolseiros:
Adelaide Duarte (IHA/FCSH/UNL)
Foteini Vlachou (IHA/FCSH/UNL)